Viver ou morrer
Tento com força remar Mas em vão, pois sei Que o mar... é maior Do que minhas forças... Do que minha vontade... Penso em vão não pensar... não temer Mas temo que possa me afogar Pois as águas são profundas E nadar... eu não sei... Nadar até a praia? E me salvar?
Ou me deixar flutuar?
No destino... no obscuro! Não... não posso Pois... nadar... nadar eu não sei... Então é para a morte me lançar? Sem tentar? Tentar apreender rápido a nadar E nesta águas profundas não me afogar!
FÁTIMA RESENDE!

Viver ou morrer Tento com força remar Mas em vão, pois sei Que o mar... é maior Do que minhas forças... Do que minha vontade... Pens...

Acalma meu passo, Senhor!


Acalma meu passo, Senhor! Em meio às confusões do dia, dê-me a tranquilidade das montanhas. Retire a tensão dos meus músculos e nervos com a música tranqüilizante dos rios de águas constantes que vivem em minhas lembranças. Ajude-me a conhecer o poder mágico e reparador do sono. Ensina-me a arte de tirar pequenas férias, reduzir meu ritmo para contemplar uma flor, papear com um amigo, afagar uma criança, ler um poema, ouvir minha música preferida. Acalme meu passo, Senhor, para que eu possa perceber no meio do incessante labor cotidiano dos ruídos, lutas, alegrias, cansaços ou desalentos, a Tua presença constante no meu coração. Acalme meu passo, Senhor, para que eu possa entoar o cântico da esperança, sorrir para o meu próximo e calar-me para escutar Tua voz. Acalme meu passo, Senhor, e inspire-me a enterrar minhas raízes no solo dos valores duradouros da vida, para que eu possa crescer até as estrelas do meu destino maior. Obrigada, Senhor, pelo dia de hoje, pela família que me destes, pelo meu trabalho, pelos meus amigos e, sobretudo, pela Tua presença em minha vida.

Acalma meu passo, Senhor! Em meio às confusões do dia, dê-me a tranquilidade das montanhas. Retire a tensão dos meus músculos e nervos ...


De tempos a tempos dou por mim a procurar os fragmentos que não encontro e por entre pingos de água gelada e os ventos escaldantes, tento não desistir dessa procura, e tento não desistir porque acredito que no final irei encontrar alguma coisa. Alguma coisa que valerá a penao esforço e a persistência [algo que nem sempre arranjo] e acho que se não acreditar nisso, então não estou aqui a fazer nada e uma existência em que não se faz nada e na qual nada se ambiciona, talvez nem se possa designar de "existência", mas somente de marcar uma presença. Dentro dum saco misturo tudo o que tenho, e tudo o que tenho pode-se resumir a boas qualidades e más qualidades e tento sempre que o resultado final seja o melhor possível, seja aquele que consiga agradar o maior número de pessoas que de uma forma ou doutra estão relacionadas comigo. Tenho tido muito sucesso? Nem por isso.... Talvez o meu saco esteja rasgado e eu esteja a perder fragmentos importantes. Alguém dizia uma frase com a qual eu concordo [quase a 100% e quase sempre que penso nela]..."Uma coisa eu sei, não conheço a chave para o êxito, mas a chave para o fracasso é tentar agradar a todos". Não é minha intenção tornar-me maquiavélico, nem nada que se pareça, mas acho que tenho de ter mais atenção a certos pormenores e talvez ser menos ingénuo. As pessoas com quem posso contar são aquelas que me fazem acreditar que no final há sempre uma recompensa [e uma recmpensa pode ser apenas uma palavra, nada mais que isso] e não quero dizer com isso que se deve olhar para as coisas com segundas intenções, com interesses camuflados de boas vontades, pois isso também é meio caminho andado para o fracasso em todos os aspectos, da mesma forma que apanhar uma mentira ou uma falsidade é meio caminho andado para enfraquecer aquilo que me liga a outra pessoa. Neste momento essas ligações são o que me resta e espero que aqueles que, de alguma forma, estão em sincronia comigo, assim permaneçam tanto quanto for possível. Todos nós passamos por fases em que simplesmente queremos ficar fechados dentro da nossa carapaça, ouvir apenas o escuro e ver apenas os pensamentos, no entanto queremos também ter alguém cá fora quando regressarmos à claridade.

De tempos a tempos dou por mim a procurar os fragmentos que não encontro e por entre pingos de água gelada e os ventos escaldantes, tento n...


A Tristeza Tem A Sua Hora Para Todos.
Perdidos Na Multidão... De Repente...
Sentimo-Nos Sós.
Tremendamente Sós.
Esmagados Por Uma Dor... Que, Por Vezes,
Nem Nós Mesmos Compreendemos Totalmente.

Reduzidos A Nada
Com Um Peso Excessivo No Coração
E Sem Brilho No Olhar...
Sentimos A Necessidade De Uma Mão Amiga,
Aberta, Estendida... Bondosa
Que Nos Diga Que Não Estamos Sós.

Precisamos Do Olhar De Ternura
De Alguém A Quem Queremos Bem,
E Queremos O Bem
Alguém Que Nos Dá Esperança, Coragem E Confiança.
Alguém Que Nos Dá Paz Interior,
Bem-Estar E Serenidade.

Sentimos A Falta De Alguém
Que Nos Aqueça O Coração...
E Faça, Connosco,
Um Pedaço De Estrada...
Que Partilhe Connosco Um Pedaço De Vida...
Que Nos Faça «Sentir Em Casa»...

Por Isso Quando Te Sentires Só Não Hesites...
Abre O Teu Coração E Deixa-O Falar
Sem Medos.
Porque Aqui Desse Lado Vai Sempre Estar
Alguém Para Te Ouvir.


A Tristeza Tem A Sua Hora Para Todos. Perdidos Na Multidão... De Repente... Sentimo-Nos Sós. Tremendamente Sós. Esmagados Por Uma Dor... ...


Quando quiseres,
vem, que te recebo...
de corpo, alma e pensamento: ponho
rosas no meu portal, e a flor placebo...
E te recebo à porta do meu sonho.

Quando quiseres,
vem, que te componho...
um soneto que há muito não concebo —
novo, bem novo como o olhar pidonho
da criança ante o sonho de um brinquedo...

Quando quiseres, vem, que te recebo... de corpo, alma e pensamento: ponho rosas no meu portal, e a flor placebo... E te recebo à porta do me...

"Tomara
Que a tristeza te convença
Que a saudade não compensa
E que a ausência não dá paz
E o verdadeiro amor de quem se ama
Tece a mesma antiga trama
Que não se desfaz

E a coisa mais divina
Que há no mundo
É viver cada segundo
Como nunca mais..."
Como Eu Quero Viver com Você....o Verdadeiro Amor..que Não Se Desfaz .....!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Vinícius de Moraes

"Tomara Que a tristeza te convença Que a saudade não compensa E que a ausência não dá paz E o verdadeiro amor de quem se ama Tece a m...


Seria tão diferente se os sonhos que a gente gosta não terminassem tão de repente... Seria tão diferente se os bons momentos da vida, durassem eternamente... se a gente que a gente gosta, gostasse um pouco da gente... Seria tão diferente se quando a gente chorasse, fosse só de contente... se a gente que a gente ama, Sentisse o que a gente sente... Mas... é tudo tão diferente...! Os sonhos que a gente gosta terminam tão de repente... Os bons momentos da vida, não duram eternamente... A gente que a gente gosta, nem sempre gosta da gente... Das vezes que a gente chora, poucas vezes são de contente... E a gente que a gente ama, não sente o mesmo que a gente...
Dê-se uma chance de ser diferente...!
Tente, ouse, opte pela Felicidade e aí sim
será diferente.
"Feliz aquele que acredita em seus Sonhos,
pois só assim poderá realizar seus
vôos plenamente..."

Seria tão diferente se os sonhos que a gente gosta não terminassem tão de repente... Seria tão diferente se os bons momentos da vida, d...

Mais visitadas no mês